Fingiu ser médica durante dois anos – Polícia acabou com o ‘teatro’

Jovem já tinha sido detida anteriormente e por crimes idênticos.
25 Janeiro 2022

A Polícia Nacional espanhola deteve segunda-feira, dia 24 de janeiro, na cidade de A Coruña, na Galiza, uma jovem de 27 anos.  Segundo o  jornal Quincemil , estaria a fazer passar-se por médica.

A situação, revela o jornal, durava já há dois anos.



A detida, que não tinha sequer licenciatura em Medicina, chegou mesmo a trabalhar noutras unidades de saúde da Galiza. Ora como assistente, ora como médica de família e até como médica de urgência.

No entanto, refere ainda o Quincemil, a jovem já tinha sido detida anteriormente e por crimes semelhantes.

Desta vez a investigação iniciou em outubro do ano passado, após a denuncia de um representante de uma entidade médica da Coruña e após a contração da jovem. Notaram que a documentação apresentada era “falsa”. A rescisão do contrato foi imediata, seguindo-se uma queixa. 



Mas o que é que a jovem apresentou? O jornal refere que, para ser recrutada, colocou em cima da mesa um diploma universitário falso garantindo que frequentou a licenciatura em Medicina e Cirurgia. Contudo, a entidade que a contratou verificou que ela nunca tinha frequentado a universidade em causa.

ÚLTIMAS

Share This