Ginásios incluidos nas despesas de IVA a abater no IRS

Depois dos restaurantes, cabeleireiros e reparações de automóveis, os ginásios e centros de fitness passam a ser incluidos no grupo de atividades financeiras passíveis de dedução de até 15% do IVA, se a proposta do Orçamento de Estado de 2021 for aprovada.
12 Outubro 2020

Naquilo será uma ajuda ao setor, o Governo tem intenções de incluir a atividade física à lista de serviços cujo pagamento pode ser deduzido à coleta de IRS de 15% do IVA pago num ano, até ao limite de 250 euros.

As atividades desportivas exercidas em ginásios, centro de fitness, clubes desportivos, entre outros, passam a poder ser incluidas no IVA (até 15% dos gastos anuais até ao limite de 250 euros/ano).

A partir de Janeiro de 2021, se a proposta final de Orçamento de Estado que foi hoje, dia 12 de Outubro, entregue em Parlamento for aprovada, em Janeiro terá um novo ícone para abater o IVA pago com ginásios e atividades desportivas, desde que tenha a fatura.

ÚLTIMAS

Share This