GNR apreende roupa contrafeita no mercado do Pinhal Novo

A ação culminou com a apreensão de 19 artigos contrafeitos.
15 Fevereiro 2022

Comando Territorial de Setúbal – através do Posto Territorial de Pinhal Novo, dia 13 de fevereiro, constituiu arguida uma mulher de 34 anos e apreendeu diversos artigos contrafeitos, na localidade do Pinhal Novo, no concelho de Palmela, informa a Guarda Nacional Republicana (GNR) em comunicado.



No âmbito de uma ação de fiscalização ao mercado mensal do Pinhal Novo que visou o combate à contrafação, “os militares da Guarda fiscalizaram diversas bancadas tendo detetado uma bancada que tinha para venda artigos contrafeitos de roupa, de diversas marcas”, pode ler-se.



A ação culminou com a apreensão de 19 artigos contrafeitos, tendo sido constituída arguida uma mulher de 34 anos. Os factos foram comunicados ao Tribunal Judicial de Setúbal.



A Guarda Nacional Republicana relembra na nota enviada às redações que o “objetivo principal deste tipo de ações é garantir o cumprimento dos direitos de propriedade industrial, visando essencialmente o combate à contrafação, ao uso ilegal de marca e à venda de artigos contrafeitos”.

ÚLTIMAS

Share This