Jovem diagnosticada com uma infeção à água, morreu de cancro

Georgia, de 23 anos, não resistiu à doença e acabou por falecer.
09 Fevereiro 2022

Uma jovem de 23 anos morreu, na sua própria casa, após ter sido diagnosticada com uma possível infeção à agua. No entanto, veio a descobrir que afinal tinha cancro.



Georgia Goodier perdeu a vida após uma curta batalha contra a doença.

A rapariga foi, inicialmente, diagnosticada com uma possível infeção à agua. Porém, quando começou a padecer de fortes dores numa mão, decidiu deslocar-se às Urgências do Warrington Hospital.



A jovem foi submetida a diversas exames e análises, que culminaram com uma biópsia ao fígado. Georgia foi diagnosticada com um adenocarcinoma, um tipo de cancro maligno que se origina nos tecidos glandulares. Acredita-se que o cancro tenha surgido inicialmente no intestino e se alastrado a outros órgãos.

A jovem submeteu-se ainda a cerca de seis sessões de quimioterapia mas acabaria por morrer.

“Quando olhamos para trás, apercebemo-nos que nos foi roubado tempo a seu lado”, admitiu a mãe de Georgia, que revela que não há antecedentes na família com a doença e que a filha era uma pessoa saudável e atlética.


Em em homenagem à jovem, a família e amigos estão agora unidos em angariar fundos para uma instituição de apoio a doentes com cancro.

ÚLTIMAS

Share This