Lisboa | Saiba quando abre o novo hotel de luxo da estação de Santa Apolónia

O The Editory Riverside tem 126 quartos inspirados na ferrovia nacional, duas piscinas e uma luxuosa sala de reuniões.
03 Fevereiro 2022

Nos últimos meses a estação de Santa Apolónia, em Lisboa, têm sido sinónimo de mudança. Primeiro, foi a nova cor das paredes que foi tema de conversa. Agora, as atenções passam do exterior, para o que encontramos lá dentro: um novo hotel de luxo que abre já na próxima segunda-feira, dia 7 de fevereiro, adianta a NIT.


Desde 2019 que se fala na abertura de um hotel instalado no edifício de uma das estações de caminho de ferro mais icónicas do País. O The Editory Riverside tinha inauguração prevista para outubro de 2021, porém essa data teve de ser adiada. Será a grande aposta da The Editory Collection Hotels, a nova marca da Sonae Capital Hotelaria, na cidade de Lisboa.



Segundo a informação disponibilizada no site do alojamento, este vai permitir “embarcar numa viagem pela história da ferrovia nacional, marcada pelo ritmo de partidas e de chegadas, desenhada em linhas que se estendem a tantos outros pontos do mapa”. A empresa avança ainda que o “The Editory Riverside é a porta de acesso a um cais de experiências que se perdem entre a linha do horizonte vista à janela e os caminhos que confluem num só local com tantos idiomas e sotaques misturados”.

O hotel de cinco estrelas representou um investimento de 12 milhões de euros que implicou a adaptação e renovação de parte do edifício anexo à estação de Santa Apolónia. Além dos 126 quartos terá um restaurante com capacidade para 122 pessoas com uma carta “inspirada nos produtos que representam fielmente as várias linhas de ligação regional que convergem na Estação de Santa Apolónia”, um “imponente bar” que recria o ambiente das carruagens-bar e duas piscinas: uma interior e outra exterior.



A Sala Nobre — uma divisão histórica do imóvel cujo teto de estuque foi recuperado com o traço original do século XIX — será outro dos grandes destaques da unidade hoteleira: poderá acolher reuniões com até 30 pessoas.

“Mesmo em frente ao novo Terminal de Cruzeiros e em plena Avenida Infante D. Henrique, o The Editory Riverside Santa Apolónia Hotel aposta numa viagem pela história da ferrovia portuguesa e do seu imenso legado de ligação regional”, referem os responsáveis em comunicado.


O contrato entre a Infraestruturas de Portugal e a empresa que permitiu a criação da nova unidade hoteleira da capital estará em vigor durante 35 anos.

ÚLTIMAS

Share This