Luiz Felipe Scolari revela como contou a CR7 que o pai tinha morrido

Ele pediu para jogar”, confessou o técnico sobre a conversa com Cristiano Ronaldo após a morte do seu pai…
09 Fevereiro 2022

O ex-selecionador nacional, Luiz Felipe Scolari concedeu uma entrevista ao Daily Mail onde percorre a sua carreira como treinador, que incluiu uma passagem pela seleção nacional portuguesa.



O técnico brasileiro recordou como foi difícil dar a notícia da morte do pai de Cristiano Ronaldo ao craque português. Foi em setembro de 2005, na véspera de um jogo de apuramento para o Mundial de 2006, que Diniz Aveiro faleceu.

O técnico da seleção nacional transmitiu a trágica notícia ao então jovem jogador, e confessou que este foi um momento muito difícil, mas que decidiu aceitar já que tinha perdido o pai uns anos antes: “Foi muito difícil. Foi um momento que criou um vínculo entre nós, um vínculo que ultrapassa a relação treinador-atleta”, começa por explicar.



“Quando a notícia chegou até nós antes do jogo contra a Rússia, ninguém sabia como contar a ele e ninguém queria. Então eu disse que faria isso porque sabia como era perder um pai. Eu tinha perdido o meu alguns anos antes”, admite ainda.



“Foi muito triste, mas é o tipo de momento que nos liga como amigos. No dia seguinte, Cristiano fez um jogo maravilhoso e regressou a Portugal. Ele pediu para jogar. Ele disse: ‘Não posso fazer nada pelo meu pai hoje, então vou jogar amanhã e depois vou embora’” pode ler-se.

ÚLTIMAS

Share This