Mais de 200 baleias morrem encalhadas na Tasmânia

É raro encontrar cachalotes presos na praia, mas o aquecimento global pode estar a mudar as correntes oceânicas.
22 Setembro 2022

Esta quarta-feira, dia 21 de setembro, mais de 200 baleias-piloto, também conhecidas como golfinhos-piloto, foram encontradas, encalhadas na costa oeste da Tasmânia, na Austrália.


Segundo o Departamento de Recursos Naturais e Meio Ambiente da Tasmânia, o grupo de 230 cetáceos “encalhou perto do porto de Macquarie” e “pelo menos metade dos animais parece estar viva”.

O cientista marinho da Universidade de Griffith, Olaf Meynecke esclarece o sucedido com as alterações nas correntes oceânicas que podem estar a obrigar as baleias a procurarem comida em diferentes áreas.


“Quando fazem isso e não estão na melhor condição física podem levá-las a correr mais riscos e talvez aproximarem-se mais da costa”, explica.

ÚLTIMAS

Share This