Noite da Moita acaba em facadas e detenções.

A vitima teve de ser assistida no hospital. Agressor detido.
19 Janeiro 2022

Um homem de 32 anos foi detido pela Polícia Judiciária por um crime de homicídio na forma tentada, após ter esfaqueado outro num estabelecimento de divertimento nocturno na Moita.



Tudo terá acontecido na madrugada de 16 de janeiro, na sequência de um desentendimento, nas imediações de um bar na Moita, quando o suspeito abordou um casal que se deslocou àquele espaço. O arguido começou a assediar o elemento feminino, gerando-se uma discussão, que teria ficado resolvida ali. No entanto, o arguido, depois de sair do bar, regressou minutos depois com uma arma branca na mão. Usou a arma para desferir nove golpes na coxa, zona lombar, peito, cervical e nuca da vítima masculina pertencente ao casal. Depois das facadas, ter-se-á colocado em fuga e só terá regressado já quando a GNR se encontrava no local.

A violência usada durante a agressão foi tal que a lâmina ao perfurar a região cervical se partiu e ali ficou alojada.

A vítima teve de ser assistida no Hospital do Barreiro, encontrando-se livre de perigo.



Realizado o interrogatório, o juiz, em consonância com o promovido pelo Ministério Público, decidiu aplicar ao arguido a medida de coação de prisão preventiva.

A investigação prossegue sob direção do DIAP da Procuradoria da República da Comarca de Lisboa – 2.ª secção da Moita.

ÚLTIMAS

Share This