Os nossos jovens demoram mais tempo a sair de casa dos pais

Portugal está em quinto lugar na classificação de países europeus em que os jovens mais tarde saem de casa dos pais.
17 Agosto 2021

Nas gerações passadas, sair de casa dos pais e criar família era algo que se sucedia mais cedo e prontamente, sendo muito comum ver um jovem a chegar aos seus 20 anos e procurar logo a sua independência.

Hoje em dia, a narrativa é outra. Aliás, é precisamente a contrária. Os jovens estão, cada vez mais, a sair mais tarde de casa.

Segundo este estudo, os jovens portugueses são os que mais tarde saem de casa dos pais. Muito da razão para tal fenómeno se estar a passar, neste momento, terá a ver com as despesas extra, rendas caríssimas e falta de ferramentas, no geral, para que estes façam essa transição.

O ranking europeu, que contabilizou os dados do Eurostat, coloca o nosso país em 5º lugar, naquilo que concerne a idade com que os jovens saem de casa dos seus pais.

A maioria da Europa sai de casa dos pais por volta dos 26 anos. À nossa frente no ranking, temos a Croácia (32,4 anos), a Eslováquia (30,9 anos), Malta e Itália (ambos com 30,2).

No outro lado do espectro, a Suécia é o país onde os jovens mais cedo saem, com uma média de 17,5 anos,

ÚLTIMAS

Share This