Portugueses gastaram e viajaram mais neste verão

Os números ainda não chegaram, no entanto, ao ponto pré-Covid.
07 Setembro 2021

A Revolut analisou os hábitos de consumo dos seus clientes portugueses, os seus destinos de eleição e o quanto estes gastaram, em média, nas suas deslocações ao estrangeiro.

Ora, entre 1 de junho e 31 de agosto de 2021, foram mais de 52 mil os portugueses que viajaram para o estrangeiro. Esse número representa um aumento de 170%, em relação ao mesmo período de tempo no ano passado. Para além disso, a plataforma confirma que o número de transações aumentou em 195% e os valores brutos gastos, também, em mais de 200%.

Dentro daquilo que foram as viagens ao estrangeiro, a Revolut afirma que os países europeus foram a maior prioridade das deslocações dos portugueses. Espanha teve o principal destaque, com mais de 16 mil utilizadores da plataforma a visitarem o país de ‘nuestros hermanos’. Existiram, também, outras países com algum destaque na preferência dos portugueses, como o Reino Unido, a França e a Itália.

No que concerne os gastos, os portugueses gastaram mais em restaurantes, compras, transportes e viagens. O maior aumento, dentro desta categoria, foi nos gastos em saúde, que quadriplicaram em 2021, quando em comparação com o mesmo período do ano passado.

Apesar disso, os números ainda estão aquém dos que tivemos no ano de 2019, num contexto pré-pandémico.

ÚLTIMAS

Share This