Princesa Diana morreu há 25 anos

25 anos da morte da Lady Di.
31 Agosto 2022

Há exatamente 25 anos, o mundo acordou em choque com a notícia de que Diana, princesa de Gales, tinha morrido. Tinha 36 anos. 

Na noite de 30 para 31 de agosto de 1997, a Princesa do Povo seguia num carro a alta velocidade acompanhada por Dodi Fayed e o motorista, Henri Paul. Na tentativa de fugir à perseguição dos fotógrafos, o condutor perdeu o controlo do carro e embateu contra as paredes de um túnel de Paris, perto do rio Sena.

Fayed e Paul foram declarados mortos ainda no local, Diana acabou por falecer já no hospital. Das diversas investigações apuraram-se duas responsabilidades no acidente: Paul tinha um nível de álcool no sangue acima do permitido e conduzia bêbado, e as acões dos paparazzis na época imprimiram maior risco na condução automóvel.

 O choque e o luto estenderam-se globalmente, produzindo grande pressão na família real. Pela primeira vez, a monarquia inglesa desfez a tradição e organizou um funeral real transmitido para todo o mundo.
Tornaram-se icónicas as imagens do príncipe William, com 15 anos, e do príncipe Harry, com 12 anos, caminhando solenemente com o pai, atrás do caixão de Diana no cortejo fúnebre.
 

Diana Frances Spencer nasceu a 1 de julho de 1961, em Norfolk, Inglaterra. Casou-se com o príncipe de Gales, Charles, a 29 de julho de 1981, com quem teve dois filhos, William e Harry. O casal divorciou-se a 28 de agosto de 1996.

Ficou conhecida como Lady Di ou “princesa do povo” pelo seu carisma, simpatia, espontaneidade e dedicação a várias causas sociais tão diversas quanto as artes , questões infantis e doentes com SIDA. A imagem de Diana a apertar intencionalmente a mão de um paciente infetado, para dissipar o mito de que a doença poderia ser transmitida pelo toque, encheu páginas de jornais.

Diana e um paciente infetado com SIDA | Twitter

ÚLTIMAS

Share This