Decidido! Reino Unido vai receber Eurovisão em 2023

A União Europeia de Radiodifusão decidiu que a Ucrânia não pode receber o concurso. O país venceu, em maio, o 66.º Festival Eurovisão da Canção, em Turim, Itália, com o tema "Stefania".
25 Julho 2022

O 67.º Festival Eurovisão da Canção vai mesmo realizar-se no Reino Unido, em maio de 2023, divulgou a União Europeia de Radiodifusão (EBU), depois de ter decidido que a Ucrânia não poderia receber o concurso.


“A EBU e a [estação pública britânica] BBC têm o prazer de confirmar que o Festival Eurovisão da Canção de 2023 será realizado no Reino Unido, em nome da emissora vencedora deste ano, a [estação pública] ucraniana UA:PBC”, pode ler-se num comunicado divulgado no site oficial da EBU.

A Ucrânia venceu, em maio, o 66.º Festival Eurovisão da Canção, em Turim, Itália, com o tema “Stefania”, interpretado pela Kalush Orchestra. Por ter vencido o concurso, a Ucrânia deveria ser no próximo ano o país anfitrião, tal como aconteceu em 2005 e 2017.

Contudo, em 17 de junho, a EBU anunciou que aquele país não iria acolher o concurso em 2023, devido à guerra no país. “Após a decisão de que, lamentavelmente, a edição do próximo ano não pode realizar-se na Ucrânia por razões de segurança, a EBU explorou várias opções com a UA:PBC. Como resultado das conversações, a BBC, segundo classificado no concurso este ano, foi convidada pela EBU para ser anfitriã do 67.º Festival Eurovisão da Canção”, lê-se na nota.

Recorde-se que esta será a nona vez que o Reino Unido acolhe o concurso. Londres recebeu o Festival Eurovisão da Canção em 1960, 1963, 1968 e 1977, Edimburgo, em 1972, Brighton, em 1974, Harrogate, em 1982, e Birmingham, em 1998.


A cidade que vai acolher o concurso “será escolhida nos próximos meses, após um processo que se inicia esta semana” e as datas do concurso em 2023 “serão anunciadas oportunamente”.

ÚLTIMAS

Share This