Tony Carreira diz que a música foi a sua salvação

Tony desabafou, ainda, que quer acreditar que um dia vai estar, de novo, com a sua filha.
08 Outubro 2021

Depois de ter perdido a sua filha, Sara, Tony Carreira só teria, até à data, dado uma entrevista em televisão. A primeira teria sido, então, com Manuel Luís Goucha e acabou por ser um dos momentos televisivos dos últimos tempos. Numa entrevista brutalmente honesta e emotiva, Tony Carreira mostrou um lado de si que, até à data, a população não conhecia. Essa fragilidade e humanidade foi, pelos espectadores, muito aplaudida e reconhecida.

Ontem, chegou a altura da sua segunda entrevista. Desta vez, com José Alberto Carvalho. O cantor, que conta com 57 anos, escolheu abrir, de novo, o seu coração. Depois de abordar a temática do seu contrato de exclusividade assinado com a TVI e da subsequente série acerca da sua vida para assinalar os 35 anos de carreira, Tony falou de como estaria a ultrapassar e a viver esta nova fase.

Tony desabafa, imediatamente, ao dar importância à música pela ajuda que tem dado a ultrapassar este momento: “O meu refúgio nesta dor foi o estúdio, foi lá que eu me fechei, por vezes para chorar, mas consegui encontrar alguma felicidade dentro daquelas quatro paredes. Só aqui é que senti alguma paz”.

O cantor refere que há momentos em que cai sozinho e que se ergue sozinho, mas, contudo, dá muita importância ao seu papel fulcral na relação com os filhos e a mãe destes, como força de apoio e carinho : “Eu e a Fernanda temos um papel muito importante, temos dois filhos maravilhosos, que precisam de nós e sofrem tanto quanto nós, e portanto eu não posso cair à frente deles, não posso fazer isso”.

A entrevista foi disponibilizada pela TVI aqui.

ÚLTIMAS

Share This